Chineses conseguem construir 10 casas num dia com impressoras 3D

Escrito por Conselhos do Consultor

30.04.14

}
1 min de leitura


 
Construíram as casas com recurso a quatro impressoras 3D gigantes, cada uma com 10 metros de largura e 6,6 metros de altura.

Cada 2100 metros quadrados construídos pelas impressoras 3D custa menos de 3606 euros a construir. A qualidade dos materiais das casas são verificados à medida que vão sendo erguidas porque ainda não existe regulamentação para este género de construção em 3D na China. A empresa utiliza ainda um cimento de secagem rápida de forma a acelerar o processo.

As habitações construídas pela WinSun são simples, mas o CEO da empresa espera que esta tecnologia de impressão 3D possa ser usada também para a construção de arranha-céus.

A produção de um bem que é montado antes de chegar ao seu destino final tem sido uma prática recorrente nas últimas décadas, mas este processo está a começar a alterar-se. O facto de os produtos serem montados “na hora” faz com que os clientes tenham mais poder de decisão, podendo personalizá-lo de acordo com as suas preferências. Além disso, esta nova forma de construção, além de mais rápida, pode ser também mais rentável.

 

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes

Comentar

Outros Conselhos do Consultor

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *