Veículos Elétricos: carregamentos mais caros a partir de maio

Escrito por Conselhos do Consultor

16.04.21

}
2 min de leitura

A ERSE aprovou ontem as tarifas da Entidade Gestora da Rede de Mobilidade Elétrica (EGME), que entram já em vigor em maio. Conheça as novas tarifas a aplicar no carregamento dos veículos elétricos.

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) emitiu ontem um comunicado onde informa a aprovação dos valores das tarifas da Entidade Gestora da Rede de Mobilidade Elétrica (EGME). As novas tarifas entram em vigor no dia 1 de maio de 2021 em todo o território português para carregamentos na rede de mobilidade elétrica.
Apesar destes tarifas já estarem previstas, só agora vão entrar em vigor. Embora sejam apenas alguns cêntimos, esse aumento vai fazer-se notar na fatura final para os utilizadores de veículo elétrico.

Novos Preços das Tarifas EGME

O Regulamento da Mobilidade Elétrica estabelece então as seguintes tarifas:

  • Tarifa da EGME aplicável aos CEME (comercializadores de eletricidade para a mobilidade elétrica) : 0,1657 euros/carregamento;
  • Tarifa da EGME aplicável aos OPC (operadores de pontos de carregamento): 0,1657 euros/carregamento;
  • Tarifa da EGME aplicável aos DPC (detentores de pontos de carregamento) : 0,0385 euros/dia/ponto de carregamento.

Segundo o comunicado, “estas tarifas estão incorporadas no preço final pago pelos utilizadores de veículos elétricos que recorrem à rede de mobilidade elétrica”.
_
Leia também: Apoio para a Compra de Veículos Elétricos: candidaturas abertas!

Impacto das Tarifas no Preço Final

Para ajudar os consumidores, a ERSE realizou uma análise que detalha o impacto das tarifas da EGME nos carregamentos na rede Mobi.e realizados pelos utilizadores de veículo elétrico (UVE):
Tarifas EGME
Tal como explica a ERSE, a análise refere-se a um cenário de 12,5 kWh/carregamento realizado num ponto de carregamento com entrega da rede elétrica de serviço público em baixa tensão. A análise foi feita para os pontos de carregamento rápidos (potência acima de 22 kW) e para os normais (potência até 22 kW). Os resultados obtidos são apresentados em euros por distância percorrida, assumindo o consumo de 15 kWh/100 km para o veículo elétrico. Assim, e tal como se pode observar, o custo para 100 quilómetros, já com as novas taxas, será de 5,80 euros no primeiro caso e 5,87 euros no segundo.
Tendo por base este exemplo, conclui-se então que as tarifas representam entre 4% e 8% do preço final pelos utilizadores de veículo elétrico.
Aconselhamos que consulte o documento Tarifas e Proveitos da Entidade Gestora da Rede de Mobilidade Elétrica para 2021, que contempla toda a informação sobre as tarifas de forma detalhada.
_
Leia também: Miio: saiba quanto custa carregar o seu carro elétrico (em tempo real)

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes

Comentar

Outros Conselhos do Consultor

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *