Como pedir um Crédito à Habitação para não residentes

Escrito por Conselhos do Consultor

17.05.21

}
4 min de leitura
Crédito à Habitação não residentes

Não reside em Portugal mas quer comprar uma casa cá com recurso ao Crédito à Habitação? Entenda como funciona o Crédito à Habitação para não residentes e como o deve pedir.

A procura por imóveis em Portugal por não residentes tem sido uma tendência. Embora a pandemia tenha desacelerado essa procura, é expectável que nos próximos meses a situação se altere. Sejam portugueses a residir noutros países ou estrangeiros, Portugal tem sido especialmente procurado para a compra de casas destinadas à segunda habitação. Contudo, muitos não residentes precisam de recorrer a um Crédito à Habitação. Se é o seu caso, é importante que entenda quais as condições aplicáveis e como deve fazer o seu pedido.

Como funciona o Crédito à Habitação para não residentes?

O Crédito à Habitação para não residentes destina-se às pessoas que não residem em Portugal, mas querem comprar um imóvel cá. Contudo, podem ou não ter nacionalidade portuguesa porque o critério neste caso é a residência fiscal.
Relativamente às condições do Crédito à Habitação, não há muitas diferenças comparativamente ao crédito para residentes. Porém, é provável que as condições sejam mais restritivas para não residentes. Isso normalmente tem impacto na percentagem de financiamento. Enquanto que num crédito para residentes a maioria dos bancos aplica 90% de limite de financiamento, para não residentes essa percentagem pode descer para os 70%, por exemplo. Não há por isso uma regra única e cada banco define quais são os critérios de risco, até porque é mais difícil a aceitação de fiadores ou garantias hipotecárias fora de Portugal.
Por outro lado, existem também muitos bancos com interesse neste tipo de clientes. Isso deve-se ao facto de muitos não residentes terem melhores rendimentos, algo que tem um peso muito significativo no Crédito à Habitação. Normalmente os não residentes precisam de um financiamento mais reduzido e têm um taxa de esforço inferior comparativamente aos residentes.
Para saber como funciona um Crédito à Habitação e descodificar todas as condições aplicáveis, consulte o nosso artigo ???? “Tudo sobre Crédito à Habitação“.
_
Leia também: 5 Dicas para preparar as suas Finanças Pessoais para o Crédito Habitação

Como pedir o Crédito à Habitação para Não Residentes?

O pedido de Crédito à Habitação para não residentes é feito de forma idêntica aos pedidos de residentes. Para isso, se é não residente, pode fazer o seu pedido diretamente ao banco ou então recorrer a um intermediário de crédito. Os intermediários de crédito são especialmente importantes para não residentes por causa do distanciamento físico. Para além disso, os intermediários estão habituados a negociar com os bancos, sendo uma boa ajuda para poupar tempo e dinheiro. Contudo, seja qual for a sua decisão, o nosso conselho é que peça primeiro uma simulação gratuita do Crédito à Habitação ✍ Assim, fica a conhecer desde já as atuais condições do mercado em Portugal para o seu caso.
Importa referir que são vários os fatores que deve ter em consideração na hora de escolher o tipo de Crédito Habitação e a instituição bancária:

Para além disso, terá de analisar e decidir com cuidado o valor de entrada, o prazo para o empréstimo e ainda o valor da prestação mensal. Não se esqueça também que vai precisar de reunir alguma documentação: documentos de identificação (ou passaporte), declaração anual de rendimentos, últimos três recibos de vencimento, últimos três extratos mensais da conta bancária, declaração de situação profissional, entre outros.
Por fim, não deixe de assistir ao nosso episódio dos 3 Consultores sobre Crédito à Habitação para não residentes:

_
Leia também: O que tem de saber antes de pedir um Crédito Habitação

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes

Comentar

Outros Conselhos do Consultor

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *