Quer poupar no combustível? Siga estes conselhos!

Escrito por Cláudia Oliveira

01.11.21

}
6 min de leitura
Poupar combustível

A subida contínua dos preços dos combustíveis têm um grande impacto no fatura mensal. Por isso, é importante começar a adotar alguns conselhos para poupar e tentar minimizar esse impacto.

Para quem tem carro e precisa de se deslocar diariamente, o gasto com o combustível pode ter um grande impacto no orçamento pessoal/familiar. Com o aumento constante dos preços que se tem verificado, a situação complica. Por isso, é importante começar a tentar procurar soluções para reduzir essa despesa. Para ajudar, deixamos algumas dicas.

1) Poupe ao Abastecer

  • Compare sempre os preços antes de abastecer: na hora de abastecer, não se esqueça de pesquisar na sua área qual os postos de abastecimento com os preços mais baixos. Há várias plataformas online que disponibilizam essa informação sempre atualizada. Por exemplo, o Google Maps já indica o preço dos combustíveis em determinada localização.
  • Utilize os cartões de desconto: existem vários cartões/parcerias que lhe permitem ter um desconto nos combustíveis. Dependendo do cartão, pode ter um desconto imediato no valor total a pagar ou acumular saldo em cartão por cada abastecimento. Eis alguns exemplos desses cartões:
  • Escolha o melhor dia da semana para abastecer: se já sabe que o preço dos combustíveis vai aumentar na semana seguinte, então já sabe que precisa de abastecer antes. Normalmente essa informação é divulgada nos diferentes canais e portais de notícias. Para além disso, aproveite as campanhas pontuais de alguns postos de abastecimento. A Galp, por exemplo, criou as “4ªs feiras especiais”, onde disponibiliza o combustível Evologic ao preço do combustível simples;
  • Se possível, ateste sempre: quando vai abastecer, ateste sempre. Porquê? Menos viagens às bombas, mais tempo e dinheiro que poupa. Depois, se vai aproveitar alguma promoção/desconto, então atestar pode compensar ainda mais;
  • Não pressione a pistola: de acordo com as recomendações da Automóvel Club de Portugal (ACP), ao pressionar a pistola ao máximo está a deixar passar vapor que vai ocupar espaço no depósito. Por isso, pressione a pistola de forma moderada.

_

Leia também: Carro a diesel, gasolina ou elétrico? Este simulador tira-lhe as dúvidas!

2) Tenha uma Condução Económica e Ecológica

  • Não acelere de forma brusca: segundo a ACP, “uma aceleração suave, ou seja, o equivalente a 20 km/h de 5 em 5 segundos, pode permitir uma poupança de combustível de cerca de 10%”. Para além disso, uma aceleração brusca desgasta mais os pneus, a embraiagem, os amortecedores e o motor;
  • Atenção às mudanças: segundo a DECO, “é importante conduzir com a mudança mais elevada possível. Assim que conseguir meter a 2.ª, suba de relação tão depressa quanto puder. A 40 quilómetros por hora, pode já ter a 4.ª engrenada e para a 6.ª chegam 60 km/h. Contudo, a partir dos 80 km/h, mesmo já em 6.ª velocidade, terá de exercer mais pressão no acelerador, o que significa injetar mais combustível para o motor, aumentando o consumo”;
  • Feche as janelas: o carro consome mais combustível de janelas abertas a altas velocidades. Por isso, nas viagens nas autoestradas feche as janelas;
  • Use o ar condicionado com moderação: o ar condicionado ligado aumenta, em média, 20% do consumo. Ligue-o apenas para percursos mais longos e nas alturas do ano mais necessárias como inverno ou verão;
  • Cumpra os limites de velocidade: cumprir os limites de velocidade, “contribui para a segurança rodoviária e obterá uma apreciável economia de combustível. Menos acelerador e menos travão = mais economia, mais segurança e menos poluição”, tal como recomenda a Direção-Geral da Energia e Geologia;
  • Desligue o carro sempre que parar: se parar o carro por mais de um minuto, então desligue-o. Pense nisto como o equivalente a uma torneia de água aberta em casa ou as luzes ligadas.

_

Leia também: Redução do imposto sobre os combustíveis – Qual o impacto no preço?

3) Cuide do seu Automóvel

  • Evite o “peso” desnecessário: não coloque tudo no seu carro. Livros, roupa, malas, calçado…tudo é um peso extra que lhe vai fazer gastar mais combustível. Mantenha o carro organizado. Se tiver as caixas de bagagem no tejadilho, retire-as quando não precisar delas. Com isto pode poupar até 20% do combustível;
  • Respeite as revisões do seu veículo: sabia que pequenas diferenças de pressão nos pneus podem representar um aumento do consumo de combustível? Por isso, cumpra as revisões e tenha a manutenção em dia.

_

Leia também: Comprar Carro: simule e descubra o carro mais barato por quilómetro

4) Atenção às Viagens

  • Evite usar o carro para pequenas deslocações: se a padaria ou o café fica a poucos metros, vá a pé. Se for visitar cidades muito movimentadas, onde é difícil estacionar, opte pelos transportes públicos;
  • Faça sempre um plano das suas viagens mais longas: vai de férias? Vai visitar outras cidades? Então planeie a rota mais eficiente (com menos trânsito e desvios). Use a internet a seu favor pois atualmente existem muitos portais e aplicações móveis que ajudam nesta tarefa;
  • Ofereça boleia aos seus colegas de trabalho e dividam a fatura: se tiver essa oportunidade, ofereça ou peça boleia aos seus colegas de trabalho e dividam os custos com o combustível. Acredite que isto terá um grande impacto na despesa mensal.

_

Leia também: 7 Dicas para comprar um carro e não se arrepender

5) Vai comprar? Escolha com cuidado!

  • Escolhe um modelo económico: deve escolher um automóvel e o tipo de combustível adequado às suas necessidades. Atualmente já existem alguns simuladores que podem ajudar nesta tarefa. Deixamos dois exemplos:
    • Simulador MobZERO: permite comparar veículos 100% elétricos disponíveis no mercado nacional com os veículos de combustão interna, a gasolina e a gasóleo;
    • Simulador Automóvel da DECO: este simulador compara os automóveis com base no valor da compra, custo do combustível, IUC, manutenção, seguro e pneus e revela o custo por quilómetro de cada modelo.
  • Reflita se precisa mesmo de comprar: quantas vezes utiliza o automóvel por semana? O local onde mora e trabalha tem uma boa rede de transportes públicos? Deve fazer este tipo de questões para perceber a utilidade que dará ao automóvel e fazer contas. Depois, se o uso do automóvel for pontual, pode optar por:
    • Recorrer à boleia dos colegas de trabalho e pagar-lhes apenas a sua parte do combustível;
    • Aderir a plataformas de carsharing: sistema de aluguer de carro de curta duração, onde só se paga o que anda;
    • Recorrer ao carpooling: partilhar o carro com passageiros com destinos e horários semelhantes. Neste caso, um condutor com carro próprio coloca à disposição os lugares disponíveis no carro. Existem vários grupos no Facebook para trocar boleias e também plataformas como a BlaBlaCar;
    • Alugue um carro para as viagens pontuais.

_

Leia também: Desconto temporário nos combustíveis – Como vai funcionar?

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes

Comentar

Outros Conselhos do Consultor

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *