Consulta do Viajante – O que é? Como marcar?

Escrito por Conselhos do Consultor

17.06.24

}
3 min de leitura
Consulta do Viajante

Vai de férias para fora da Europa? Então prepare antecipadamente a viagem e marque a Consulta do Viajante.

Ir de férias para fora do país exige alguns cuidados de saúde de forma a garantir que tudo corre bem. Esses cuidados devem ser pensados com alguma antecedência, especialmente se o destino for algum país fora da Europa. Para viajar para África, por exemplo, pode ser necessário tomar alguma vacina preventiva. Para esclarecer todos os cuidados que deve ter antes de viajar, pode marcar a Consulta do Viajante. Explicamos-lhe tudo o que deve saber sobre esta consulta com base no guia do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Consulta do Viajante – Como funciona?

Na Consulta do Viajante pode obter informação e dicas sobre medidas preventivas que deve tomar antes, durante e depois da viagem:

  • Vacinação recomendada contra múltiplas doenças de baixo risco ou inexistente em Portugal;
  • Necessidade de toma preventiva de medicação contra múltiplas doenças de baixo risco ou inexistente em Portugal;
  • Dicas sobre higiene individual e cuidados a ter com a água e os alimentos no país de destino;
  • Aconselhamento e prescrição de medicamentos e outros produtos de farmácia que deve levar;
  • Informações sobre assistência médica, riscos de acidentes e segurança no país de destino.

Quando e onde marcar?

O ideal é marcar esta consulta 1 a 2 meses antes da viagem. Claro que, quanto mais cedo o fizer, melhor. Relembramos que pode ser necessário tomar alguma vacina e isso deve ser feito com alguma antecedência.

Segundo o SNS, “há consultas e centros de vacinação internacional espalhados por todo o país e em cada uma das Administrações Regionais de Saúde nas Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira”. Também pode optar por falar com o seu médico de família no centro de saúde para obter algum aconselhamento. Por fim, também pode recorrer ao privado para marcar a Consulta do Viajante.

Para a consulta, deve levar:

  • Documento de identificação;
  • Boletim individual de saúde/vacinas
  • Certificado internacional de vacinação (se já tiver)

Quais as indicações do SNS sobre a vacinação?

O SNS recomenda que:

  • Confirme se as crianças e jovens até aos 18 anos têm as vacinas do Programa Nacional de Vacinação (PNV) atualizadas (estas vacinas são gratuitas nos centros de saúde);
  • Aos adultos recomenda-se que tenham atualizada a vacina contra o tétano, difteria, sarampo, papeira, rubéola e hepatite B.

A par disto, e dependendo do destino e da pessoa que vai viajar, podem ser recomendadas as seguintes vacinas:

  • Gripe
  • Febre amarela
  • Doença meningocócica
  • Encefalite japonesa
  • Febre tifóide

Se lhe restar qualquer dúvida, aconselhamos que consulte o guia do Serviço Nacional de Saúde. Também é importante consultar os Conselhos aos Viajantes do Ministério dos Negócios Estrangeiros.

_

Leia também: Poupar nas Férias – 9 Conselhos que podem ajudar

Férias e Saúde – Quais os cuidados a ter?

Não se esqueça que, para além da Consulta do Viajante, deve garantir outros cuidados antes de viajar. Se viajar dentro da Europa, é aconselhável pedir o Cartão Europeu de Seguro de Doença. Ter um seguro de saúde também pode ser uma boa ajuda para garantir o acesso aos cuidados de saúde sem gastos muito avultados, seja fora ou dentro de Portugal. Consulte o nosso artigo “Férias e Saúde – Quais os cuidados a ter?” para conhecer estas e outras dicas.

_

O conteúdo apresentado não substitui a necessidade de consultar entidades especializadas no assunto.

Quer receber os nossos artigos em primeira mão? Junte-se ao nosso grupo de WhatsApp ou Telegram!

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes

Comentar

Outros Conselhos do Consultor

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *