IRS – Nota de liquidação passa a incluir a taxa efetiva

Escrito por Cláudia Oliveira

01.04.22

}
3 min de leitura
IRS Nota liquidação

O Ministério das Finanças decidiu alterar a nota de liquidação de IRS. Descubra o que vai mudar.

Quando o contribuinte entrega a sua declaração de IRS, as Finanças emitem mais tarde a nota de liquidação de IRS. Este é o documento que resume a forma como o imposto foi calculado pelas Finanças. Contudo, este ano a nota de liquidação terá uma nova linha: a taxa efetiva de IRS de cada contribuinte.

“Vai passar a estar incluído na nota de liquidação aquilo que é a taxa efetiva de imposto que o contribuinte paga e não apenas a taxa marginal, que apenas serve para o efeito do cálculo do imposto”, tal como explicou o secretário de Estado dos Assuntos Fiscais à Lusa. O objetivo é que os contribuintes saibam exatamente quanto pagam, porque é que pagam e para que é que pagam os seus impostos.

“Simultaneamente, tal como já vem sucedendo nos últimos anos, será disponibilizado, aquando da submissão da declaração, um gráfico sobre o destino do dinheiro dos impostos, para que todos tenham informação sobre o destino dos seus impostos”, tal como explica o Ministério das Finanças.

Como obter a Nota de Liquidação no Portal das Finanças?

Depois de finalizada a entrega do IRS e o imposto liquidado, a nota de liquidação é enviada para a morada fiscal do contribuinte ou via correio eletrónico. Contudo, é possível obter ou consultar a nota de liquidação de todos os anos no Portal das Finanças. Para isso, deve seguir estes passos:

1) Inicie sessão no Portal das Finanças;

2) Selecione a opção “Todos os Serviços” na coluna do lado esquerdo;

3) Na lista que vai aparecer, procure por “Documentos e Certidões” e depois clique em “Pedir Certidão“:

Nota Liquidação IRS

4) Selecione a opção “Liquidação de IRS” e indique o ano pretendido;

5) Por último, clique em “Obter” e faça o download da certidão para o seu computador.

Nota: em alternativa ao “Pedir Certidão”, pode apenas “Consultar” a nota de liquidação.

_

Leia também: Saiba como decifrar a Nota de Liquidação do IRS

IRS 2022 – ATENÇÃO ÀS DATAS QUE SE APROXIMAM!

O primeiro período do ano fica sempre marcado pelas diferentes obrigações do IRS. Tenha especial atenção aos próximos prazos:

  • Entre 1 de abril e 30 de junho: a partir de 1 de abril tem três meses para entregar a declaração de IRS. Descubra se o pode fazer através do IRS automático. Dependendo da data em que entregar a declaração, poderá nestes meses receber o reembolso do IRS. Por isso, quanto mais cedo entregar, mais cedo recebe.
  • Até 31 de julho: a AT tem de enviar a nota de liquidação do IRS. Se tiver direito a reembolso do IRS, então o dia 31 de julho é também a data limite para a AT pagar esse valor.
  • Até 31 de agosto: esta é a data limite para quem tem de pagar IRS. Importa referir que é possível pedir junto do serviço de Finanças o pagamento da quantia em prestações.

_

Leia também: Calendário IRS 2022: anote as datas mais importantes!

Siga-nos nas Redes Sociais

Para si | Artigos Recentes

Comentar

Outros Conselhos do Consultor

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado.